sábado, 1 de setembro de 2012

Alexandre Birman: empreendedorismo brasileiro!



Sou fã assumida e cliente fiel dos produtos Arezzo. Dos nossos 40 anos de existência (sim, temos a mesma idade), passei mais da metade usando os sapatos da marca, sem qualquer arrependimento. A qualidade , o conforto e o respeito para com o cliente conquistaram a minha fidelidade e o meu respeito como consumidora (nas duas únicas situações em que tive problemas com sapatos com pouco uso, a loja me deu sapatos novos em substituição aos que apresentaram problemas, após analisar os casos) .  Mas Anderson Birman, o fundador da empresa, fez mais do que construir um império dos calçados e acessórios femininos; ele formou dentro de casa um grande empreendedor:  seu filho, Alexandre Birman. Fiquei admirada ao ler o texto de Bruno Astuto sobre o empresário, na revista Época dessa última semana.  
 
Alexandre Birman começou a trabalhar na empresa da família aos 12 anos, estimulado pelo pai, quando começou a conhecer todas as etapas da produção dos calçados. Aos 15, pediu emprestado ao pai um terreno em Belo Horizonte, para fazer um estacionamento. Aos 18 anos, comprou um carro com seu próprio dinheiro. Aos 19 anos, criou a Schutz - que significa proteção, em alemão. A empresa nasceu porque Alexandre viu uma palmilha de cortiça e borracha numa feira italiana de calçados, ideal para praticantes de mountain bike e deu ao pai a ideia de fabricar o modelo na Arezzo. A ideia foi vetada pelo pai, que achou o calçado esportivo demais para a Arezzo, sugerindo ao filho que ele montasse seu próprio negócio.



Além das lojas no Brasil, o empresário agora se prepara para inaugurar a primeira loja fora do Brasil, no próximo dia 5 de setembro,  em Nova York. Será a 36ª filial da Schutz e ficará na Madison Avenue, local da moda de alto luxo na cidade.  A marca já tem números impressionantes de faturamento e só na inauguração da filial de Florianópolis foram vendidos R$94 mil em apenas  quatro horas!   
 
Mas a Schutz não é a única marca de Alexandre. A Alexandre Birman, criada em 2009, é voltada para o segmento de alto luxo e caiu nas graças de Hollywood, quando a atriz Leighton Meester afirmou estar apaixonada pelos calçados da grife no seriado Gossip Girl. Nem é preciso dizer que choveram pedidos na empresa assim que o episódio foi ao ar, né?
 
Alexandre é um empresário de sucesso, um exemplo de empreendedorismo e um orgulho para o Brasil. O empresário tem planos ambiciosos e afirma que quer ser "a Zara dos sapatos". Alguém aí duvida que ele irá conseguir?


Imagens: reprodução.  

4 comentários:

  1. Oi Dennina, tudo bem?
    Somos duas então. Amo os produtos da AREZZO, especialmente calçados.
    Na minha sapateira tem 3 ou 4 pares de outras marcas, dois foram presentes, todos os outros são da AREZZO.
    Já a Schutz não conheço muito bem, mas se vai abrir uma loja en New York é por que é poderosa mesmo.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Arezzo é incrível né, Maria Célia?! Os sapatos são super confortáveis e duram muitos anos! A Schutz tem modelos lindos, mas não sei como é em termos de conforto. Vale dar uma conferida no site da marca ou dar um pulinho em BH e conhecer uma das 3 lojas (no BH Shopping, no Pátio Savassi e no Diamond Mall).
      Bj pra vc!

      Excluir
  2. Oie !parabéns pelo post e vou te falar desde de que comecei a usar sapatos da Arezzo não parei mais,o conforto os modelos não sei sou Arezzomaniaca mesmo kakakakakakka...
    Ganhei de uma amiga um schutz e apesar de serem do mesmo dono não achei tão confortavel.
    Mas,ja tinha assistido uma matéria sobre o Alexandre,realmente com sua inteligência ira construir um império que eu amo!
    bejuzz
    Boa semana
    Gi Almeida
    www.todas-amam.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Gi! Obrigada! Adquirir um produto Arezzo realmente é satisfação garantida!
    Uma ótima semana pra vc também!
    Bj!

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua participação!

Blog Widget by LinkWithin